KAZUÁ APRESENTA: ‘Para criança meter o nariz’, de Miro Ribeiro

15/12/2017

Com uma sociedade que vem modificando os hábitos culturais e a forma de pensar, podemos questionar qual o papel que é “servido” à criança dentro dessa nova realidade. As crianças são seres pensantes, inteligentes, podem e devem estar conscientes das mudanças sociais e das questões ligadas ao que é inerente ao existir: sentir.

Partindo dessa premissa, Para criança meter o nariz: Novo teatro para infância e juventude”, de Miro Ribeiro, reúne três dramaturgias que abordam questões pouco discutidas com a criança, tais como o machismo, violência contra mulher, questões de gênero, ganância, preconceitos e morte. Os temas são abordados com muita sensibilidade e sem o didatismo “infatilóide” imposto normalmente nas obras dramatúrgicas para infância e juventude, mostrando que é possível conversar com a criança sobre qualquer coisa, trabalhando o desenvolvimento de sua capacidade crítica e ampliando sua visão de mundo.

Os textos são dinâmicos e podem ser lidos e montados na escola, por grupos amadores e/ou profissionais, com poucos ou muitos atores, podendo ser encenado como simples leituras dramáticas ou transformados em grandes musicais já que a obra vem acompanhada pelas cifras e partituras compostas pelo autor. É uma obra forte e sensível, politizada e poética, dramática e afetuosa, educativa, mas não didática. Merece ser apreciada vagarosamente como uma brincadeira de roda, divertida, mas que necessita atenção. Uma leitura imperdível!